Ministério dos Transportes
Sociedade

Chefe de Estado consternado pelas vítimas do acidente ferroviário

Numa mensagem dirigida ao governador da província do Namibe, o Presidente João Lourenço considerou trágico o acontecimento que causou até ao momento 17 vítimas mortais e 14 gravemente feridas.

“Trata-se de um acontecimento trágico em consequência do qual várias famílias perderam os seus entes queridos, sobre cuja memória me inclino com dor e tristeza”, referiu o Presidente da República.

De acordo com João Lourenço, “as autoridades competentes tomarão as medidas que se impõem para apurar as causas desta fatídica ocorrência, no sentido de prevenir com rigor a repetição de casos do género futuramente”.

Às famílias enlutadas, apresentou em nome do Executivo de Angola e no seu próprio, as mais sentidas condolências e solidariedade.